Radiologia odontológica: conheça tudo sobre essa especialidade

Radiologia odontológica: conheça tudo sobre essa especialidade

16/09/2022 - Por: Ademar Junior

Contando com exames de imagem muito precisos, a radiologia odontológica possibilitou uma revolução nos tratamentos de diversas enfermidades, relacionadas à saúde bucal. Assim, ganhou espaço e reconhecimento junto aos órgãos competentes, tornando-se uma rotina na vida tanto dos profissionais quanto dos pacientes.

Neste artigo, você encontra informações valiosas a respeito da radiologia odontológica e compreende o que exatamente é a especialidade, como ela funciona, quais pacientes atende e as principais técnicas utilizadas.

O que é radiologia odontológica?

Radiologia odontológica é uma especialidade que trabalha com exames de imagem. Tais exames utilizam determinada porcentagem de radiação para criar uma imagem detalhada de estruturas da boca, como a arcada dentária e o maxilar, por exemplo.

Esses exames são muito importantes para o diagnóstico de enfermidades, pois conseguem revelar estruturas complexas da boca, das quais os profissionais não têm acesso a olho nu.

Com o avanço da tecnologia radiográfica, hoje é possível realizar imagens de forma panorâmica ou de um local específico da boca. Assim, o dentista poderá tomar atitudes assertivas para o tratamento, através do diagnóstico de imagem, auxiliado pelos exames de raio-x.

Como funciona essa especialidade odontológica?

A radiologia odontológica funciona como um importante agente para o diagnóstico e tratamento de diversas enfermidades. Assim, através do direcionamento de um feixe de radiação induzida (raio-x), o corpo absorve parte da radiação e reflete a outra parte para uma chapa de metal, onde a imagem é produzida.

É através dos exames de radiologia odontológica que se torna possível verificar as estruturas internas dos dentes, maxilar, gengivas, entre outros.

Veja abaixo uma lista com os principais usos da radiologia odontológica:

  • É amplamente utilizada para determinar a extração de dentes e aplicação de implantes;
  • Faz parte do pré-operatório, para o planejamento e realização de cirurgias;
  • Serve como base de planejamento para a colocação de aparelhos ortodônticos e outros tipos de alinhadores, com função corretiva ou estética;
  • Utilizado para identificar cáries interproximais, lesões, fraturas, entre outras enfermidades que podem acometer a arcada dentária, maxilar e mandíbula;
  • Investiga dentes inclusos (ainda dentro da gengiva);
  • Analisa possíveis anomalias, como o surgimento de tumores, cistos e outras enfermidades preocupantes.

Quem pode fazer radiologia odontológica?

Podem cursar radiologia odontológica dentistas formados ou estudantes que já se graduaram no ensino médio. Assim, o dentista que já é formado poderá realizar uma especialização, que deve durar de 2 a 5 anos.

Já o estudante que acaba de se formar no ensino médio e quer seguir a profissão, pode cursar um técnico em radiologia ou um tecnológico, também na área. Entretanto, deve saber que o tecnólogo é um curso mais longo e que tem caráter de ensino superior, sendo possível novas especializações no futuro.

Tanto no tecnólogo quanto no técnico, os profissionais irão aprender a manipular os aparelhos de raio-x, realizar exames de imagem de diversas áreas do corpo, realizar o arquivamento dos exames, identificar as estruturas corporais, realizar as técnicas de segurança quanto a radiação e muito mais.

O tecnólogo se aprofunda ainda mais, contando com estratégias de gestão de equipe, realização de pesquisa, suporte a profissionais da saúde e etc.

Principais técnicas da radiologia

Abaixo, você confere as 5 principais técnicas da radiologia odontológica, e entende qual a finalidade de cada uma delas:

Radiografia digital

Um dos exemplos da evolução dos procedimentos da radiologia odontológica, a radiografia digital possibilita o envio das imagens para o computador de forma simultânea, sem a necessidade do uso de filmes radiográficos.

Assim, proporciona mais agilidade e a qualidade de imagem nos exames radiológicos atuais.

Radiografia panorâmica

Procedimento amplamente utilizado para orientar a colocação de aparelhos ortodônticos, a radiografia panorâmica possibilita imagens de toda a arcada dentária, mandíbula e maxilar, criando um mapeamento da boca do paciente.

Desse modo, o dentista poderá avaliar de forma eficiente o posicionamento do aparelho e necessidade de extração de dentes como sisos. Tudo isso através da radiografia panorâmica digital, que otimiza o processo e ainda melhora a qualidade das imagens.

Radiografia interproximal

Uma das técnicas da radiologia odontológica, a radiografia interproximal possibilita a identificação de cáries interproximais (entre os dentes). Nesse sentido, disponibiliza imagens de qualidade para que o dentista possa investigar essa área, que não pode ser vista a olho nu.

Radiografias periapicais

Muito utilizadas para encontrar possíveis cáries e para ter acesso a uma perspectiva geral dos dentes, as radiografias periapicais são muito detalhadas e possuem ótima qualidade de imagem.

Em conjunto com as interproximias, as radiografias periapicais possuem grande popularidade nas clínicas odontológicas, sendo solicitadas quase que diariamente pelos profissionais da área.

Radiografia oclusal

Utilizada com o objetivo de avaliar dentes inclusos (dentro da gengiva) ou a raiz dos dentes, a radiografia oclusal é uma técnica de radiologia odontológica muito aplicada por profissionais da odontopediatria, em crianças e pré-adolescentes, apesar de não se restringir apenas a este público.

Quais são os aparelhos mais usados para radiografia odontológica?

Veja abaixo a lista com os 4 aparelhos mais usados na radiologia odontológica:

  • Aparelho de radiografia periapical (fixo ou móvel): realiza imagens radiográficas de áreas específicas de forma eficiente;
  • Unidade de raio-x craniano: equipamento que pode ser fixo ou móvel que irá capturar imagens do crânio do paciente;
  • Raio-x panorâmica: realiza radiografias de forma ampla, cobrindo toda a arcada dentária do paciente.

Os aparelhos de raio-x atuais possuem ótimo desempenho e maior segurança para o profissional e paciente. Por isso, o especialista em radiologia odontológica precisa se manter atualizado quanto a esses recursos e acompanhar as inovações do mercado.

F.A.Q

Qual o valor da radiologia odontológica?

O valor de um exame odontológico depende da especificidade de cada paciente. Assim, os valores podem variar entre R$80,00 e R$400,00 a depender da clínica odontológica.

Como é feita a radiografia dos dentes?

É realizado através de um feixe induzido de radiação controlada, que será em parte absorvida pelo corpo, parte refletida por uma chapa de alumínio que produzirá as imagens.

O que faz uma radiografia panorâmica?

Mostra a totalidade da arcada dentária e possibilita uma visão geral da composição dos dentes, mandíbula e maxilar.

Foto de Ademar Junior

O Autor

Ademar Junior

Administrador. Mestrando em administração. MBA em gestão empresarial. Especialista de Produtos da área de Imagem na Alliage.

Veja mais de "Ademar Junior" >

Leia também: